top of page

Show (se)cura com água

O coletivo (se)cura humana @securahumana conflui sua trajetória artivista em uma vertente musical. Nossa pesquisa artística, ativista e aquática agora está sonora: o show (se)cura com água!




Trecho da música O Lago Alarga:



Em um experimento cênico-musical, o grupo se nutre de seu discurso e ações de guerrilhas artísticas urbanas e aquáticas pela cidade, e principalmente da investigação do grande símbolo universal que é a água, para criar esta obra, pois como nos lembrou Platão: "O ouro tem muito valor e pouca utilidade, comparado à água, que é a coisa mais útil do mundo e não lhe dão valor."

O show (se)cura com água tem direção artística de Flavio Barollo, direção musical de Felipe Chacon (que também assina algumas composições) e arranjos de Rodrigo Zanettini. Quanto às canções, desde a crise hídrica de 2014, o compositor Carlos Zimbher vem realizando pesquisa e trajetória musical dialogando com o (se)cura humana, e com isso assina grande parte das 14 músicas presentes no repertório do grupo, que conta com uma banda de 8 pessoas (completam o time Luiza Abe, Felipe Julian, Matheus Caitano, Glauber Bento e Jackie Cunha), e as demais parcerias nas composições são Felipe Chacon, Leo Bianchini, Flavio Barollo, e música Tenho Sede de Gilberto Gil com Dominguinhos. 


Trecho da música Sapiens:




Assim, o experimento percorre o caminho das águas que aponta para a cura e o surgimento de uma nova consciência do ser humano em relação à natureza, um caminho que atravessa as mazelas provocadas por nós no Planeta, e finalmente expõe possibilidades utópicas para nossa continuidade na Terra. Não à toa, entre os antigos, a água era evocada como uma das origens do mundo. Talvez tenha chegado a hora de devolvermos a gratidão, do ser humano carregar a água nas costas já que ela, a natureza, vem nos carregando desde sempre até aqui e sem ela seguramente, não vamos a lugar nenhum.


Trecho da música Plástico:




Ficha técnica do show (se)cura com água

Artista: (se)cura humana @securahumana

Voz e direção artística: Flavio Barollo @flaviobarolloVoz e vocais: Luiza Abe @luizaabeBateria, vocais e direção musical: Felipe Chacon @felipepanchaconPiano, teclado e arranjos: Rodrigo Zanettini @rodrigo_zanettiniBaixo acústico e baixo elétrico: Felipe Julian @felipe_julian__Trompete e Trombone: Glauber Bento @glauber.bentoSax Tenor e violão: Matheus Caitano @caitano7saxPercussão: Jackie Cunha @jackiecunhapercussaComposições originais de Carlos Zimbher @zimbher e Felipe ChaconTenho Sede de Gilberto Gil e DominguinhosCriação e coordenação do (se)cura humana: Flavio Barollo @flaviobarollo e Wellington Tibério @welltiberio

 

 

Repertório:

(SE)CURA COM ÁGUA (Zimbher) O LAGO ALARGA (Zimbher) RIO ABAIXO (Zimbher) TENHO SEDE (Gilberto Gil e Dominguinhos) SAPIENS (Zimbher e Leo Bianchini) SECURAUMEDECER (Zimbher e Flavio Barollo) SUBMERSOS (Zimbher) PLÁSTICO (Felipe Chacon) CANÇÃO PARA ADIAR O FIM DO MUNDO (Felipe Chacon) DOIS SEGUNDOS ANTES DE VOAR (Zimbher) IMITAÇÃO DA NATUREZA (Felipe Chacon) EXTRA EXTRA (Zimbher) HECATOMBE (Zimbher) OMBRIM (Marina Sena)






 

2 views0 comments

Related Posts

See All

Comentarios


bottom of page